Você sabe que eu não confio em você, não sabe?

04 a 08 de fevereiro de 2019

Laboratório de Dança proposto por Clarice Lima (CE/SP) que agregou 35 mulheres a partir de convocatória pública.

Atividade destinada a mulheres de todas as idades, com ou sem prática artística, interessadas em criar espaço concreto e subjetivo para existir. Durante uma semana vamos olhar de frente para questões que atravessam a existência da mulher no mundo para quem sabe conseguir mover além de tudo isso.

Compartilhamento público 08 de fevereiro de 2019

Faça tudo diferente. Faça alguma coisa que você não sabe fazer. Sinta medo. Sinta raiva. Esteja atenta. Não desista. Esqueça o seu pai. Não queira agradar. Não seja educada. Mude de idéia. Arrisque-se. Olhe os problemas de frente. Olhe além dos problemas. Crie problemas. Ache bom. Ache ruim. Insista. Levante-se. Seja muitas. Lute como uma garota. Some forças. Peça ajuda. Fale o que sente. Não culpe os astros. Saia da cama. Tome café. Faça uma auto-entrevista. Chore acompanhada. Nunca seja atropelada por um trator. Seja neurótica. Seja legal. Seja outra coisa. Dance. Não cobre amizade. Faça o que quiser fazer. Feche a porta. Abra as mãos. Experimente. Dê muitas voltas. Perca-se. Não cancele ensaio. Confie no material. Confie na sua intuição. Leia um livro aleatório. Queira menos. Queira mais. Transe mais. Tome uma cerveja. Movimente a galera. Abrace seu filho. Durma.
 

imagem Clarice Lima